Buscar

Encontro do Clero contou com assessoria do Pe. Humberto de Carvalho, da Arquidiocese de São Paulo.


O Instituto Arquidiocesano São José acolheu na terça-feira, 17 de maio, o encontro do clero da arquidiocese de Santa Maria. A programação, que iniciou com a Oração de Laudes, contou com a assessoria do Padre Humberto de Carvalho, da Arquidiocese de São Paulo e convidou os participantes a ponderar sobre a espiritualidade do padre diocesano.

Segundo o assessor, o fundamento da vida do presbítero central está em Jesus Cristo, como modelo da caridade pastoral. Insistindo várias ocasiões que o padre diocesano, no exercício de sua diocesaneidade, busca atualizar a sua vida em conformidade com Jesus. Explanou também sobre os quatro pontos que compõe a diocese: a diocese, o bispo, o presbitério e o Povo de Deus, dando sentido amplo que a diocese é o lugar onde Deus o colocou, assim deve o padre amar a sua terra e amar aos seus irmãos.


A inserção do padre diocesano em sua comunidade e na diocese deve ter plena comunhão com o bispo, o presbitério e o povo de Deus. O presbítero é chamado a ser modelo e pai para toda a comunidade paroquial, assim como Jesus fez aos discípulos.

Na avaliação do Padre Gildo Brandt, da Paróquia São Pedro, de São Pedro do Sul, viver a diocesaneidade é importante da vida e na missão dos presbíteros que atuam na nossa arquidiocese.


Durante a tarde Dom Leomar relatou pontos da Visita Ad Limina Apostolorum e apresentou algumas informações gerais sobre o andamento e projetos da Arquidiocese.


A programação encerrou com uma celebração eucarística, presidida pelo arcebispo metropolitano.


O próximo encontro do clero está previsto para dias 6 e 7 de junho.